Ajustar a bike ao seu corpo é fundamental

Durante uma sessão de bike fit, câmera é usada para registrar posicionamento do ciclista, antes e depois dos ajustes

# Regra número 1: Seu corpo não deve se adequar à bicicleta.
A bike é que deve ser ajustada para seu corpo.

Os iniciantes no ciclismo, mountain bike ou no uso da bike para transporte têm direito de se assustar: bicicleta tem tamanho. São como roupas, sapatos e tantas outras coisas que lidamos no dia-a-dia. Achar a bicicleta ideal para seu corpo e ajustá-la corretamente é garantia de pedaladas mais prazerosas. Depois de quase dois anos de volta aos pedais, fiz o meu primeiro bike fit. O procedimento nada mais é que tomar as medidas do corpo do ciclista e reposicionar peças e ajustes da bike em função do corpo do atleta.

Fiz os ajustes com o especialista Rogério Camargo, do CTBike, que fica em Campinas. Felizmente, não precisei viajar. Ele esteve nesta sexta-feira (14) na Pedal Urbano, em Perdizes. O custo foi de R$ 150, investimento que vale muito. Eu estava com dores no gastrocnêmio e no sóleo, na perna esquerda. Não sei se era exatamente por causa do posicionamento, mas precisava usar uma melhor postura na bike para ajudar na recuperação.

Por isso recuamos os tacos na sapatilha para eu apoiar melhor o pé nos pedais. Também recuamos o selim e invertemos o ângulo da mesa, aquela peça que seguro o guidão. Todos foram ajustes finos, não tinha nada de muito anormal nas minhas regulagens auto-didatas. Eu li muito na internet e conversei com muita gente antes de montar minha bicicleta atual e isso minimizou erros. Sem contar que pedalo desde moleque e isso ajuda a conhecer nosso corpo e como ele se sente mais confortável na bike.

Mas, dei sorte nos meus ajustes antes do bike fit. Não podemos contar com isso sempre. Por isso, vou deixar abaixo algumas dicas para os amigos que já me cobraram um post sobre o tema. E aproveito que em 2010, quando o ciclismo vai ser usado na trama da novela Passione, devemos ter mais gente interessada em começar no esporte.

DICAS BÁSICAS
1 – Saiba suas medidas antes de comprar a primeira bike
O melhor para um iniciante é fazer o bike fit antes de comprar a primeira bicicleta. Isso porque 99% das lojas têm vendedores desinformados, que até sabem que as bicicletas têm tamanhos diferentes, mas empurram o que tiver no estoque. Fui enganado em uma loja badalada em SP, me empurraram uma magrela dois números acima do meu. Como se eu usasse sapato 38 e me vendessem um 40. Cuidado, pagar caro não é sinônimo de boa compra.

No caso do Rogério, ele tira suas medidas e diz qual o tamanho do quadro e dos acessórios que você tem que comprar. Depois de comprados os itens, você volta ao especialista e ele coloca tudo no lugar ao preço de uma só “consulta”.

Geometria da Caad 9 - Road da Cannondale

2 – Medidas dos quadros de MTB e de Road são diferentes
As bicicletas de MTB têm as medidas expressas em polegadas. As bikes de estrada são em centímetros. Em alguns casos, para simplificar, os fabricantes expressam esses valores em P, M e G, com variações para os produtos extra pequenos ou extra grandes. Enfim, cada marca tem uma abordagem. A Caloi, por exemplo, usa o P, M e G nas bikes de ciclismo. Na hora da compra, na loja, pode ser útil usar uma trena e medir os pontos que vamos indicar depois. Assim você pode ter certeza se vai levar uma P ou M…

3 – Cavalo, seat tube (ST) e top tube (TT): as medidas mais importantes
As fórmulas básicas para saber qual o tamanho da sua bike são:
MTB: Cavalo (em polegadas) – 14 = quadro
Road: Cavalo (em centímetros) X 0,65 = quadro

O cavalo é a medida do meio das suas pernas até o chão. Para tirar essa medida é bom estar com a bermuda de ciclista e obrigatoriamente descalço. Eu fiz várias vezes sozinho e cheguei ao número 80 cm. Com ajuda de um equipamento específico, o Rogério Camargo identificou que meu cavalo é de 82,1 cm.

Mas, cuidado com as fórmulas prontas. As duas acima indicam o tamanho do seat tube (ST) que a bicicleta deve ter (no desenho acima, o ST é a linha C e o ST é o B). Entretanto, o top tube (TT) é o mais importante, pois no caso do ST, você pode aumentar a altura do banco com mais facilidade e compensar a diferença. Mas, no caso do top tube, é mais difícil aumentar essa distância, mesmo com as mesas ou avanços estarem disponíveis em medidas normalmente entre 7 e 14 mm.

Seu eu fosse usar apenas a fórmula, eu teria 82 x 0,65 = 53,36 cm. Entretanto, com base em outras medidas do meu tronco, a bicicleta ideal para mim seria a que as marcas vendem com o “tamanho 50”.

4 – Consulte planilhas e a geometria das bicicletas
Para não depender apenas das fórmulas, é possível usar planilhas que fazem os cálculos e dão boas pistas. Deixo os links abaixo. Depois de calcular e ver as indicações, visite o site dos fabricantes de bikes e vejas especificações das geometrias das bikes. Se você for comprar em uma loja, leve sua fita métrica, nem todas têm ua trena. No caso de comprar uma usada, peça para o vendedor lhe repassar os dados.

Links de referência
Planilha para bike fit virtual: link para download e discussão muito útil no fórum de road do Pedal.com.br
CTBike – Professor Rogério Camargo
Fit Calculator – Competitive Cyclist

Anúncios

2 Respostas para “Ajustar a bike ao seu corpo é fundamental

  1. Gostaria de saber se reunindo alguns companheiros, o dr Rogerio viria ao Rio de janeiro

  2. lidia bedrechuk

    tem alguem em Curitiba que faz assim como o dr Rogerio? se tiver pode me inicar quem? obrigada.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s