Bento XVI e o jornalista convertido

A conversão de um muçulmano não praticante ao catolicismo ganhou destaque na mídia (Veja na FSP, para assinantes). Foi o próprio Papa Bento XVI quem oficiou a cerimônia na qual Magdi Allam, sub-editor do Corriere, abraçou as insígnias da Santa Sé. Agora, deve reforçar ainda mais sua própria segurança. Antes mesmo do sacramento já havia recebido ameaças por defender o pontífice após a polêmica deflagrada pela palestra na cidade de Regensburg, na Alemanha, que foi vista como depreciativa ao islã e provocou protestos entre os muçulmanos. Na palestra, ele citou a frase de um imperador bizantino do século 15 que criticava Maomé por expandir “pela espada” a sua religião.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s